Conheça os benefícios do home office para empresas e colaboradores

6 minutos para ler

Oferecer a possibilidade de funcionários trabalharem das próprias casas tem se tornado uma prática cada vez mais comum no cenário corporativo atual. Mas você sabe por que essa tendência está ganhando força? Acontece que os benefícios do home office impactam positivamente tanto a empresa quanto o colaborador.

Neste artigo, queremos falar um pouco de como funciona essa modalidade de trabalho e quais são as vantagens para organizações que aderem ao trabalho remoto em sua política interna.

Continue a leitura e veja se o home office pode ser uma boa ideia para sua estratégia de recursos humanos.

Como funciona o home office?

Tornar a casa um escritório é, literalmente, o significado do home office. No entanto, profissionais que vivem nesse estilo de trabalho nem sempre estão em suas próprias residências. Eles podem estar em uma viagem ou em um café, por exemplo. Sendo assim, o termo mais adequado para essa modalidade é trabalho remoto, condicionado a ferramentas tecnológicas de comunicação.

A ideia de oferecer flexibilidade aos funcionários contratados ou mesmo de recrutar profissionais que atuam apenas remotamente tem se mostrado interessante para empresas. Tanto que podemos ver muitos especialistas considerando o modelo como o trabalho do futuro.

Trabalhar de casa se tornou totalmente viável para profissões que usam o computador e a internet como principais ferramentas. Assim, com esses recursos à mão, pouco importa a localização do indivíduo. Basta que ele cumpra com suas responsabilidades e entregue os resultados esperados.

Segundo as leis da Nova CLT, o trabalho remoto pode ser configurado tanto em dias esporádicos da semana — mantendo o contrato formal — ou em regime full time — em que o contrato com a empresa precisa ser revisto com normas específicas do teletrabalho.

Quais são os benefícios do home office?

Mesmo já sendo adotada por muitas organizações e profissionais independentes, nem todos os gestores conhecem os benefícios do home office. Separamos abaixo vantagens tanto para funcionários quanto para empresas. Confira.

Economia com encargos e infraestrutura

Um dos pontos mais atrativos do trabalho remoto para a corporação é a economia gerada em diversos aspectos da rotina empresarial. Encargos com vale-transporte, por exemplo, podem ser reduzidos significantemente quando o profissional tem direito a dois dias semanais trabalhando de casa.

Além disso, dentro do prédio da empresa se reduzem gastos como luz, água e impressões. Em muitos casos, é possível até mesmo otimizar o espaço e economizar com aluguel do prédio adotando uma rotatividade de profissionais atuando presencialmente e à distância.

Quando o contrato passa a ser integralmente de trabalho remoto, a empresa pode negociar com o funcionário a responsabilidade financeira com equipamentos e recursos necessários à atuação, como internet e plano de telefone.

Por fim, mais uma vantagem é a isenção do pagamento de horas extras nos casos em que a corporação não tem um meio de controlar a jornada de trabalho à distância. Nesses casos, é fundamental que haja um bom planejamento e orientação das atividades que precisam ser desempenhadas para que não ocorra sobrecarga. 

Otimização das atividades

Você tem notado baixa produtividade em alguns setores da empresa? Então saiba que um dos benefícios do home office pode ser a otimização da realização de tarefas. O principal motivo para isso é que, em seu escritório pessoal, um profissional consegue ter mais foco em suas responsabilidades, deixando de lado distrações comuns do dia a dia dentro da empresa.

Para ser eficiente, o regime de trabalho à distância também deve ser norteado pela produtividade, com tarefas claras a serem desempenhadas a cada dia. Assim, o funcionário consegue atuar com melhor performance e eliminar lacunas produtivas.

Mais independência

Para os colaboradores, um dos benefícios do home office mais valorizados é a independência na realização de tarefas. Eles sentem que a empresa confia no trabalho deles ao permitir essa flexibilização na rotina.

É comum que muitas pessoas desejem uma rotina longe de chefes e mais autônoma. Com o teletrabalho, isso muitas vezes é possível. Além disso, profissionais conseguem organizar seus compromissos pessoais com as demandas empresariais.

Ter a chance de trabalhar viajando ou em um local agradável permite uma rotina mais leve e flexível. Os funcionários também conseguem passar mais tempo em família, participando mais ativamente do crescimento dos filhos ou mesmo cuidando de parentes. Esses fatores podem ser realmente valiosos para muitos.

Redução do estresse decorrente do trânsito

Os profissionais brasileiros vêm sofrendo com o estresse associado ao trabalho. Principalmente nas grandes capitais, o esforço para chegar à empresa pode envolver trânsito caótico, engarrafamento e lotação no transporte público.

Oferecer um alívio dessa rotina estressante, mesmo que em um ou dois dias da semana, pode transformar a qualidade de vida dos colaboradores. Permitindo dias mais leves com o trabalho em casa, a gestão mostra que se preocupa com o bem-estar de seus funcionários. Ao reduzir o estresse nas equipes, a empresa experimenta também maiores índices de satisfação e produtividade e menor possibilidade de doenças do trabalho.

Fortalecimento da cultura interna

A possibilidade de trabalho remoto acaba se tornando um benefício corporativo oferecido pela organização. Essa preocupação com a qualidade de vida que é demonstrada pela gestão acaba fortalecendo a cultura interna. A valorização do capital humano tem se tornado um dos principais ideais de empresas de destaque no mercado.

Assim, os benefícios do home office acabam se estendendo para a atração e retenção de talentos. Afinal, a marca empregadora tem sua imagem solidificada e apresentada de forma positiva frente aos profissionais externos. Internamente, o engajamento e satisfação aumenta, reduzindo o turnover.

Viu como o trabalho remoto pode ser uma alternativa interessante para a organização e para os times de talentos? Para implementar essa modalidade e aproveitar os benefícios do home office, é fundamental garantir a seleção de profissionais competentes e engajados, além de investir em softwares eficientes de gestão.

Para adequar colaboradores a um regime diferenciado de trabalho, é necessário oferecer o treinamento adequado para otimizar a produtividade e assegurar que as normas de ergonomia e segurança serão cumpridas. Veja em outro artigo que separamos como planejar uma estratégia de treinamento e desenvolvimento de pessoas. Boa leitura!

Você também pode gostar

Deixe um comentário